Área do Associado:

Esqueci minha senha

Associe-se

Associe-se

Agenda

Notícias

Perdas com a corrosão representam cerca de 3% do PIB
Evento que acontece nesta quinta-feira (24) discute tecnologia existente para tratar corrosão

Um encontro para integrar conhecimentos e métodos de combate a um processo extremamente predatório que danifica estruturas e instalações onde o aço é usado predominantemente, inclusive nos empreendimentos construídos com concreto armado, como edifícios, pontes e viadutos, portos e aeroportos, o 4º Seminário de Corrosão acontece nesta quinta-feira (24), no Centro de Convenções de Vitória.

O evento reúne palestras técnicas, exposição de produtos e serviços, além de mostra de trabalhos acadêmicos sobre o grande mal que aflige as estruturas metálicas reduzindo-lhes o ciclo de vida.

A importância no avanço do conhecimento sobre o efeito da corrosão em variadas estruturas, instalações e edificações que representam os ativos industriais motivou o apoio das grandes plantas industriais do Espírito Santo ao evento que acontece em sua quarta edição, realizado pelo Sindicato das Indústrias Metalúrgicas e de Material Elétrico do Espírito Santo (Sindifer).

PERDAS      
                                                           

Numa avaliação bastante genérica, que não distingue setores e uso, estima-se que os custos anuais da corrosão no mundo oscilam em torno de 3% do PIB, em média, como EUA, China, Japão e Europa e Brasil.

Calcula-se que 20% de toda a produção anual de ferro metálico presente em ligas destina-se a repor perdas oriundas da corrosão.

SEGURANÇA

Outros efeitos negativos do processo referem-se aos riscos à segurança operacional de instalações, riscos de interrupção de energia e de comunicações, danos a monumentos e até poluição (pelos efluentes da corrosão).

Alguns métodos de mensurar os custos da corrosão são conhecidos, sendo o custo de maior ponderação o de revestimento por pintura anticorrosiva. Outros custos são os de preparação das superfícies, materiais resistentes à corrosão, inibidores de corrosão, proteção catódica e investimentos em pesquisa e desenvolvimento.
 
Fonte da Notícia: Iá Comunicação Publicado: 23/10/2019
Sindifer -  Sindicato das Indústrias Metalúrgicas e de Material Elétrico do Estado do Espírito Santo

Endereço Sede:

Rua Juiz Alexandre Martins de Castro Filho, nº 180 – Ed. Cesar Daher Carneiro, Santa Luiza - Vitória/ES - CEP 29045-250
Telefones: 27 3225-8457 - 27 3225-8821
E-mail: sindiferes@sindiferes.com.br
Findes

CNI
Site desenvolvido por Tribo Propaganda