Área do Associado:

Esqueci minha senha

Associe-se

Associe-se

Agenda

Notícias

Petroleiras vão comprar áreas e criar 1.200 vagas no Estado
A Petrobras colocou à venda cinco blocos na Bacia do Espírito Santo, deixando a expectativa entre empresários de novos investimentos

A Petrobras colocou à venda a sua participação em cinco blocos de exploração de petróleo na Bacia do Espírito Santo, criando entre empresários a expectativa de novos investimentos.

A previsão é de que petrolíferas comprem as áreas e façam o trabalho de prospecção para transformá-las em campos de petróleo que vão criar cerca de 1.200 empregos. Esses postos de trabalho devem estar disponíveis, em sua plenitude, em um prazo de cinco anos, mas o processo de pesquisa vai criar, em um prazo mais curto, de 100 a 200 vagas para trabalhar no processo de pesquisa, após a concretização da venda dos blocos.

“Estes blocos não são campos ainda, é preciso fazer pesquisas sísmicas, uma espécie de ultrassom para ver se tem petróleo ou não, medir a extensão do poço. Mas a expectativa é de que tenha”, explica Durval Vieira de Freitas, coordenador do Fórum Capixaba de Petróleo e Gás da Federação das Indústrias do Estado (Findes).

Nessa primeira etapa serão necessários profissionais de alta especialização como geólogos, geofísicos, operador de equipamentos de ultrassom e raio X relacionados à exploração do combustível fóssil. Quando a produção começar, haverá necessidade de contratar operadores de sonda, mecânicos, eletricistas, engenheiros químicos e mecânicos, entre outros.

A Petrobras informou que os blocos estão estrategicamente posicionados em relação às descobertas do pós-sal nas áreas conhecidas como Parque dos Deuses, Parque dos Doces e Parque dos Cachorros, na Bacia do Espírito Santo.

“Com potencial de comprovar significativos volumes e firmar posição em nova fronteira exploratória tanto do pré-sal quanto do pós-sal”, escreveu em seu portal. Durval Vieira disse que o futuro do petróleo no Estado e no restante do País é ser competitivo, através da tecnologia e de preço.

“Em algumas áreas somos muito competitivos, como embaixo da água, em prestação de serviços, Tecnologia da Informação, mas em outras precisamos aprimorar. A Findes vem trabalhando muito para isso, com programas com o Senai de inovação, parcerias com a Ufes. Não há outro caminho melhor que a educação”, disse.
Fonte da Notícia: A Tribuna Publicado: 05/06/2020
Sindifer -  Sindicato das Indústrias Metalúrgicas e de Material Elétrico do Estado do Espírito Santo

Endereço Sede:

Rua Juiz Alexandre Martins de Castro Filho, nº 180 – Ed. Cesar Daher Carneiro, Santa Luiza - Vitória/ES - CEP 29045-250
Telefones: 27 3225-8457 - 27 3225-8821
E-mail: sindiferes@sindiferes.com.br
Findes

CNI
Site desenvolvido por Tribo Propaganda